QUEBRANDO: O tribunal está suspendendo o governador do Rio por suspeita de corrupção

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, foi temporariamente privado do cargo por decisão do Supremo Tribunal Federal. Witzel é acusado de administrar um programa de corrupção para desviar fundos do estado para combater a pandemia do coronavírus.

Leia mais no Daily Briefing desta manhã.

Apoie este relatório →Apoie este relatório →