Ministério da Saúde autorizado a prorrogar contratos médicos até novembro

Ontem, o presidente Jair Bolsonaro aprovou a extensão de contratos médicos temporários do Ministério da Saúde até 30 de novembro. A medida provisória aplica-se apenas aos 3.592 médicos que trabalham em hospitais federais do estado do Rio de Janeiro – onde o governo local teve dificuldade em atender à demanda de profissionais de saúde.

Apoie este relatório →Apoie este relatório →