Mais de 60 países estão comprometidos com a iniciativa COVAX; Brasil não está entre eles

A Organização Mundial da Saúde publicou uma lista de 64 países, representando quase dois terços da população mundial, que estão comprometidos com o COVAX Facility, uma iniciativa global que reúne governos e fabricantes para garantir que as futuras vacinas Covid-19 atinjam os maiores precisam de quem eles são e onde quer que vivam. Além desses 64 membros do Mecanismo, há 92 economias de baixa e média renda qualificadas para receber vacinas.

No entanto, o Brasil apenas assinou uma confirmação não vinculativa da intenção de participar do mecanismo COVAX e pediu mais tempo para considerar se deve ou não ajudar a financiar a iniciativa. A América do Sul já foi representada pela Argentina, Colômbia, Paraguai, Peru e Suriname. Enquanto isso, Brasil, México e Chile ainda não se comprometeram totalmente.

O governo brasileiro disse que precisava de mais informações sobre a estrutura legal e os planos de logística para a instalação da COVAX. “Essas definições são particularmente importantes para um país continental como o Brasil”, disse o secretário de imprensa do governo.

Apoie este relatório →
Apoie este relatório →

Mais de 60 países estão comprometidos com a iniciativa COVAX; Brasil não está entre eles
Mais de 60 países estão comprometidos com a iniciativa COVAX; Brasil não está entre eles