Grammy 2017 | Adele se torna a primeira mulher a vencer álbum e música do ano duas vezes no Grammy

Adele fez história na noite do Grammy 2017. Além de faturar todas as categorias em que foi indicada, a artista se tornou a primeira mulher a ganhar álbum e música do ano duas vezes.

A superestrela britânica derrotou Beyonce nas três principais categorias do Grammy Awards com seu “25”, álbum que marcou sua volta aos palcos depois de uma pausa que durou quatro anos. Dessa forma, Adele repetiu a façanha de 2012, quando também levou o Grammy de álbum e música do ano.

ÁLBUM DO ANO

Grammy 2017 | Adele se torna a primeira mulher a vencer álbum e música do ano duas vezes no GrammyGrammy 2017 | Adele se torna a primeira mulher a vencer álbum e música do ano duas vezes no Grammy

GRAVAÇÃO DO ANOVencedor: “25” – Adele

“Lemonade” – Beyoncé

“Purpose” – Justin Bieber

“Views” – Drake

“A Sailor’s Guide To Earth” – Sturgill Simpson

Vencedor: “Hello” – Adele

“Formation” – Beyoncé

“7 Years” – Lukas Graham

“Work” – Rihanna e Drake

“Stressed Out” – Twenty One Pilots

MÚSICA DO ANO

ARTISTA REVELAÇÃO

Vencedor: “Hello” – Adele Adkins & Greg Kurstin

“Formation” – Khalif Brown, Asheton Hogan, Beyoncé Knowles & Michael L. Williams II

“I Took A Pill In Ibiza” – Mike Posner

“Love Yourself” – Justin Bieber, Benjamin Levin & Ed Sheeran

“7 Years” – Lukas Forchhammer, Stefan Forrest, Morten Pilegaard & Morten Ristorp

Vencedor: Chance The Rapper

Kelsea Ballerini

The Chainsmokers

Maren Morris

Anderson Paak

MELHOR ÁLBUM POP VOCAL

MELHOR ÁLBUM DE ROCK

Vencedor: “25” – Adele

“Purpose” – Justin Bieber

“Dangerous Woman” – Ariana Grande

“Confident” – Demi Lovato

“This Is Acting” – Sia

Vencedor: “Tell Me I’m Pretty” – Cage The Elephant

“California” – Blink-182

“Magma” – Gojira

“Death Of A Bachelor” – Panic! At The Disco

“Weezer” – Weezer

Mas a noite não foi perfeita para Adele. A artista, que subiu ao palco para sua segunda apresentação – um tributo a George Michael – do nada fez uma pausa. Em seguida, pediu desculpas e, em meio a aplausos por sua atitude, pediu para reiniciar a música.Ela ainda usou seu último discurso para prestar uma homenagem emocionada à Beyonce. “Eu não posso aceitar esse prêmio”, disse Adele, fazendo Beyonce se emocionar. “O álbum Lemonade é tão monumental e bem pensado e lindo. Nós respeitamos ele. Todos nós artistas te adoramos muito. Você é nossa luz. Você move minha alma”, concluiu ela, reconhecendo o trabalho da colega que também concorria, dando, assim, um show de humildade.

Outro britânico que também se destacou na noite, foi o musico David Bowie ao ganhar quatro Grammys póstumos. Bowie morreu de câncer no começo do ano passado.

Na internet, o Grammy foi bastante criticado por “boicotar” o Lemonade, de Beyonce, tido como a grande aposta dessa edição. Comentários classificavam a premiação como “racista”. “Lemonade” foi muito bem recebido pela crítica por suas letras fortes e cruas que hora remontam a era a da escravidão e ataca o preconceito ainda presente – embora bem menos intenso – na sociedade.

O estreante James Corden também fez sua parte. Em seu primeiro Grammy como apresentador, foi bastante dinâmico e divertiu a plateia com suas esquetes de comédia.

Relacionado