Governo anuncia parceria para produzir vacina Covid-19

Em uma notícia positiva cada vez mais rara para o governo brasileiro, uma nova parceria para o desenvolvimento e fabricação de uma vacina Covid-19 foi apresentada nesta semana com a empresa farmacêutica britânica AstraZeneca e a Universidade de Oxford. Haverá duas fases de insumos e transferências de tecnologia: dezembro de 2020 e janeiro de 2021. Embora o governo reconheça que não há garantia de que a vacina seja segura ou eficaz, concordou em participar de seu desenvolvimento. A vacina está sendo desenvolvida pelo Instituto Jenner da Universidade de Oxford em colaboração com o Grupo de Vacinas de Oxford.

Na primeira fase do processo, 30,4 milhões de unidades serão produzidas. Se a vacina Covid 19 for segura e eficaz, o Brasil produzirá outros 70 milhões de doses. A soma de 100 milhões de doses é suficiente para vacinar quase metade da população brasileira. O custo da vacina é de R $ 695 milhões. No entanto, o acordo ainda aguarda o centro de pesquisas médicas da Fiocruz fechar seu próprio acordo com a AstraZeneca.