Buenos Aires: Argentina poderia ajudar o Brasil contra o Covid-19

A Argentina recentemente entrou em default novamente. O país estava lutando com uma crise cambial e inflação desenfreada. No entanto, o Ministério das Relações Exteriores da Argentina disse que poderia ajudar o Brasil a combater o Covid-19. O porta-voz do ministério, Lisandro Sabanes, disse O relatório brasileiro A oferta de ajuda não está incluída em uma proposta concreta e só viria se o Brasil pedisse ajuda. Quando perguntado que tipo de apoio a Argentina poderia oferecer, Sabanes se recusou a comentar.

Em 3 de junho, a Argentina tinha 19.255 casos confirmados de Covid-19 e 583 mortes. Mesmo em relação à população, o Brasil tem uma taxa de infecção por 1 milhão de pessoas 4,5 vezes superior à da Argentina.

A oferta de assistência da Argentina permanece um pouco incerta, mas pode indicar relacionamentos mais saudáveis ​​com o Brasil. A relação entre o presidente argentino de esquerda Alberto Fernández e o chefe de Estado brasileiro de extrema-direita Jair Bolsonaro já está desgastada. Em fevereiro de 2020, o ministro das Relações Exteriores da Argentina, Felipe Solá, foi recebido por seu colega brasileiro Ernesto Araújo em Brasília. Dizem que a reunião selou um novo cessar-fogo entre Brasília e Buenos Aires.

Apoie este relatório →Apoie este relatório →

Buenos Aires: Argentina poderia ajudar o Brasil contra o Covid-19
Buenos Aires: Argentina poderia ajudar o Brasil contra o Covid-19