Aqueça seu coração: Solidariedade, uma arma contra o frio.

A verdadeira solidariedade começa

onde não se espera nada em troca!

Antoine de Saint-Exupéry

Todos os anos, um grande número de mortes acontecem em decorrência do frio , as principais vítimas são os moradores de rua. São pessoas que não tiveram as mesmas chances para progredir ou talvez tenham escolhidos caminhos errados e as circunstâncias foram empurrando-as cada vez mais para o precipício.

Aqueça seu coração: Solidariedade, uma arma contra o frio.Aqueça seu coração: Solidariedade, uma arma contra o frio.

Independente dos motivos cabe a nós refletirmos e tentar fazer algo para amenizar estas fatalidades através da solidariedade.

Solidariedade é fazer o bem sem esperar algo em troca, e abrir mão de algo que para nós talvez não tenha tanta importância, mas que para alguém é uma nova chance de sorrir, viver e ter esperança.

No período de inverno muitas famílias, orfanatos, asilos, e moradores de rua necessitam de ajuda, não tem como esperar pelo governo, cada minuto conta muito e não volta, uma vida pode ser perdida.

Há muitas formas de ajudar: doando agasalhos, roupas, alimentos, produtos de higiene pessoal entre outros itens. Não podemos resolver todos os problemas do mundo, mas se cada um fizer sua parte, poderemos fazer o mundo de alguém muito melhor.

Que não só no inverno, mas em todas as estações do ano a solidariedade venha aquecer nosso coração para procurarmos fazer algo útil e o bem a outros.

Um simples gesto pode fazer toda diferença na vida de alguém.

“Quando doamos com amor, nos alegra o coração, alivia nossa alma e faz feliz a um irmão”.

Dê o seu melhor – Raiz Coral

Curiosidade

Como pode uma pessoa morrer de frio?

A temperatura normal do corpo humano (37ºC) é regulada por uma região do cérebro chamada hipotálamo – ela nos faz suar quando o corpo precisa esfriar e nos deixa arrepiados quando necessitamos preservar calor no organismo. Se o frio externo for muito intenso, a primeira área a ser afetada é justamente o hipotálamo, que acaba perdendo essa capacidade de ajustar nossa temperatura. Como todas as reações químicas dentro do nosso organismo precisam de calor para se realizar, uma temperatura muito gelada faz com que as funções vitais aos poucos diminuam seu ritmo. Se a pessoa estiver sem agasalho, abaixo dos 28ºC ela entra em estado de hipotermia – que quer dizer falta de calor para o corpo trabalhar”. Trocando em miúdos: o coração, que precisa de energia – e, consequentemente, de calor – para bater, começa a reduzir o ritmo. O mesmo acontece com a respiração, que precisa da contração de músculos para funcionar.

Como a transmissão de impulsos do sistema nervoso central também precisa de calor, o indivíduo passa a perder sua sensibilidade. Dessa forma, ele vai perdendo a consciência até o coração parar de vez. O tempo que uma pessoa leva para morrer de frio varia de acordo com certas circunstâncias: se estiver ventando, por exemplo, ele é mais curto, pois o vento resfria o corpo com muito mais facilidade. A uma temperatura de 10ºC, já bastante agressiva ao corpo humano, esse processo pode levar cerca de cinco horas para acontecer – isso se a pessoa estiver bem nutrida e agasalhada – infelizmente, esse não costuma ser o caso da maioria das pessoas que morrem nessas condições: em geral são moradores de rua.

________________________________________________________

S.R.

Relacionado