Apelação ou arte? – Recreio

Sempre que surgem boatos ou anúncios sobre beijos ou cenas mais ousadas de pessoas do mesmo sexo na TV e excesso de nudez, questões são levantadas e se tornam polêmicas.

De um lado há os que defendem cenas ousadas nos mínimos detalhes nas novelas, séries e afins, alegam que é algo natural, retrata a realidade, fazem parte do cotidiano e que não deve chocar.

Muitos destes defensores da realidade criticam o sensacionalismo nos programas dominicais, nos policialescos, programas de fofocas entre outros.

Apelação ou arte? – RecreioApelação ou arte? – Recreio

Os mais conservadores em contrapartida levantam a questão que são cenas desnecessárias que não acrescentam em nada e tiram o foco da história que acaba ficando em segundo plano, promovendo pseudos artistas por mostrarem o corpo em vez de talento. Resumindo apelam para a nudez porque falta conteúdo de qualidade.

Entre tantos pensamentos opostos, surge a onda do boicote entre as partes que “se acham envolvidas no contexto” que vão desde novelas, escolhas políticas, religiosas e filosóficas, até campanhas publicitárias, que se tornam verdadeiras guerras nas redes sociais.

Como resolver este dilema?

O ser humano é questionador por natureza, neste caso as opções são, respeito, bom senso e controle remoto.

__________________________________________________________

Arte: A arte é uma forma de o ser humano expressar suas emoções, sua história e sua cultura através de alguns valores estéticos, como beleza, harmonia, equilíbrio. A arte pode ser representada através de várias formas, em especial na música, na escultura, na pintura, no cinema, na dança, entre outras.

Apelar: Deixar de ter espírito esportivo; utilizar maneiras desonestas ou condenáveis para resolver um problema ou situação: o jogador apelou para violência; estava perdendo o jogo e apelou.

__________________________________________________________________________________________ S.R. 🌹