14 morrem de doenças inflamatórias raras causadas por Covid-19

De acordo com o Ministério da Saúde do Brasil, 14 crianças e adolescentes morreram no país após desenvolverem uma síndrome inflamatória rara em decorrência da contratação da Covid-19. A Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica (PIMS) ocorre em pessoas de até 19 anos de idade previamente infectadas com o coronavírus. Um total de 197 casos foram confirmados.

O ministério disse que apesar destes sintomas, que devem ser monitorados com atenção, os eventos “têm sido raros, dado um grande número de casos com boa recuperação”. A nova síndrome foi observada em 14 dos 27 estados do país. O Ceará lidera a lista com 41 casos confirmados e representa 21% de todos os pacientes com PIMS no país.

Apoie este relatório →
Apoie este relatório →