Corinthians vence o Fluminense e é heptacampeão brasileiro

Corinthians é campeão brasileiro de 2017 (Foto: Reprodução/Folha de S.Paulo)
Corinthians é campeão brasileiro de 2017 (Foto: Reprodução/Folha de S.Paulo)

Em partida emocionante, o Corinthians venceu o Fluminense na noite desta quarta-feira (15) em Itaquera. Com show de Jô, o timão confirmou o seu sétimo campeonato brasileiro com três rodadas de antecedência.

O primeiro gol do jogo, do Fluminense, veio logo no primeiro minuto. E se seguiu assim por todo o primeiro tempo. De maneira semelhante, logo no primeiro minuto do segundo tempo, Jô marcou o primeiro do Corinthians. E aos 3 minutos, o mesmo Jô virou o jogo, deixando o time paulista com 2 a 1.

Encaminhando para o final, Jadson ainda marcou para o timão, praticamente eliminando as possibilidades do rival.

Com o resultado, o Corinthians se torna o maior campeão brasileiro do século XXI, somando os títulos brasileiros de 2005, 2011, 2015 e 2017 e deixando para trás o São Paulo F. C. e o Cruzeiro.

Através de Jô, o time ainda pode ter o primeiro goleador da sua história no Campeonato Brasileiro. O atacante do Corinthians assumiu a ponta da artilharia, ultrapassando Henrique Dourado, do Fluminense.

A vitória contra o Fluminense foi a primeira de virada do timão em todo o campeonato, completando a lista de coisas inéditas que aconteceram nas últimas partidas, como um gol de Kazim.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 3 x 1 FLUMINENSE

Data: 15 de novembro de 2017, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Competição: Campeonato Brasileiro (35ª rodada)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Público: 46.189 (45.775 pagantes)
Renda: R$ 2.882.688,00
Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)
Assistentes: Kleber Lucio Gil e Neuza Ines Back (ambos de SC)
Cartões amarelos: Gabriel (Corinthians); Léo, Henrique Dourado, Reginaldo, Pedro Santos e Henrique (Fluminense)

Gols: Henrique, a 1 minuto do primeiro tempo; Jô, a 1 minuto e aos 3 minutos, e Jadson, aos 40 minutos do segundo tempo

CORINTHIANS: Caique; Fagner, Pablo, Pedro Henrique e Guilherme Arana; Gabriel e Camacho (Jadson); Romero, Rodriguinho e Clayson (Maycon); Jô (Danilo). Técnico: Fábio Carille

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Lucas, Renato Chaves, Henrique e Léo; Marlon Freitas (Pedro Santos), Douglas e Sornoza (Matheus Alessandro); Gustavo Scarpa, Marcos Júnior (Peu) e Henrique Dourado. Técnico: Abel Braga.

Douglas Nascimento

Estudante, escreve sobre política semanalmente para o Recreio através do Sociedade em Foco.

Siga-me no Twitter: dnascimentow

  • Simón #Hepta

    Amo, merecido demais!

  • Douglas #Hepta

    Parabéns, meu timão! ⚪️⚫️