O Articulador 13º Episódio: Entre a máscara e a verdade

 Opção em vídeo

Opção escrita

 Afinal, Magnus era amigo de todos desde que chegou em Brasilianita, por que estaria agindo daquela forma?

[Cristina Rosa] Sr. Jack, por favor gostaria de conversar com Magnus um instante.

[Jack] Claro, estou na sala ao lado, se precisar de algo, me chame!

[Cristina Rosa] Não tem nada a me dizer Magnus?

[Magnus] Claro, como está Cristina Rosa? Seu vestido é muito bonito e…

 [Rosa] Pare! Já sei o que você fez!

[Magnus] Eu também sei o que fiz, e não me lembro de ter feito algo censurável em toda minha vida, por isso não estou entendendo esse seu comportamento, aparentemente rígido, em relação a mim nesse exato momento. Me diga, o que andaram falando a você sobre mim? É algum tipo de calúnia?

[Rosa] Como pode fazer isto Magnus? Sempre o tratamos tão bem, você  me vendo preocupada e sofrendo todos estes dias e você era o culpado.

 [Magnus]   Eu por quê? Do que está falando Cristina Rosa?  Juro por Deus que não sei por que está assim tão alterada, nunca a vi assim antes.

 [Rosa] Já soube da sua conversa com o  Dr. Santos. Acusou meu pai de ter causado o incêndio no circo, matando todas aquelas pessoas e disse que eu sabia de tudo e pedi segredo.

[Magnus] Não sei do que está falando Cristina Rosa, estão querendo te jogar contra mim.

Pressionado, Magnus se viu sem saída e tentou contornar a situação.

[Magnus] Ah… Agora lembrei, mas não foi nada demais, só falei que estava com ciúmes da filha do Jack, pra ele não agir assim, afinal você não merece uma coisa desta.

[Rosa] Chega!!! Agora não me engana mais, seu mentiroso, manipulador!!!

 

[Magnus] Ah, faça-me o favor! Se alguém está te manipulando esse alguém não sou eu. Isso tudo não passam de calúnias, seria incapaz de fazer algo assim.  Ah, mas deixa eu saber quem andou inventando isso, farei com que a justiça pese a mão sobre o infeliz.

[Rosa] Não quero ouvir mais nada, tudo está claro.

Não podendo mais ludibriar, Magnus mostra sua verdadeira face.

[Magnus] Quer saber, você é uma bobona mesmo, pensa que aquele médico idiota foi embora por minha culpa?  Ele nem gostava de você, foi tudo uma aposta para saber quem conseguia namorar Cristina Rosa,  a filha do prefeito. Quase todo mundo sabe disto! Sua Trouxa!

[Rosa] Agora sei quem você é, um Articulador  egoísta! Nunca mais quero ver vê-lo!

 [Magnus] Sim, estará me fazendo um favor, agora com vossa licença, tenho mais o que fazer.

João que havia escapado da policia, conseguiu juntar os estudantes simpatizantes do Jornal Olho Vivo e todos aqueles que estavam cansados dos abusos  e crimes cometidos pela prefeitura para uma grande manifestação. Com os maquinários  do Jornal aprendidos, o trabalho foi mais difícil, mas fizeram vários cartazes e espalharam por toda cidade. Iam pressionar as autoridades para que seus amigos fossem soltos, pois eram inocentes vítimas do inescrupuloso Articulador.

 E não deu outra, a manifestação foi intensa! Mesmo a censura tentando calar os revoltosos, não conseguiram e tiveram que ceder.

João foi até a policia esclarecer tudo o que havia acontecido. Com mais calma, o delegado entendeu a situação os soltou, visto que não tinham cometido crime algum.

Esta prisão serviu apenas como incentivo para que os meninos do Jornal Olho Vivo se empenhassem mais em propagar as verdades, denunciar os abusos e falcatruas cometidas.

Douglas Cruz, o líder do Jornal, naquele momento seria algo mais do que um simples jornalista iniciante, seria a voz do povo naquela cidade.

Passaram-se os dias…

No hospital Cristina Rosa trabalhava normalmente, o prefeito acabara de ter alta, mas com as acusações contra a prefeitura, sua casa havia sido embargada, teria que ir para a pensão de Dona Cora.

 

[Prefeito Kaíque] Cristina Rosa minha filha, você está bem? Seus olhinhos estão tristes. Foi o in-ser do Davi outra vez? Acabo com aquele obreiro!

Não papai, estou bem, deve ser cansaço.

[Prefeito Kaíque] Te conheço Cristina Rosa, você não é assim. Não fique triste pela sua mãe, logo te arrumo uma madrasta. Kkkkkk

Sou lindão! Um príncipe! kkkkkkkkkkk

Cebolinha também recebeu alta e foi levado para pensão e acolhido pelos moradores do local. Com a pensão em perigo, todos estavam se mobilizando para ajudar e ideias foram surgindo.

E uma nova pensionista chega, a famosa escritora Sara Miranda. Na cidade a escritora  ouvia várias histórias contadas por Dona Coralina, pelos moradores da região e pelos pensionistas. Diante de um ambiente inspirador  começa escrever seu próximo livro.

Dr. Santos havia voltado para a cidade, mas as coisas não eram as mesmas, ele tinha que colocar o culpado na prisão, a morte de sua irmã Esmeralda e de todos os outros não poderia ficar impune. Desta vez as coisas seriam diferentes, nada e ninguém o tirariam da sua missão.

Morando no mesmo lugar Dr. Santos e Cristina Rosa pareciam dois estranhos, o estrago havia sido grande, mentiras e articulações haviam sido espalhadas aos dois lados, plantando a dúvida entre ambos. Mas mesmo assim, não conseguiam esconder o que sentiam um pelo outro.

O Articulador continuava aprontando, mas para alguns ele já tinha mostrado sua verdadeira face, já outros o achavam  injustiçado, uma pobre criatura indefesa.

Com ameaças conseguiu censurar a Rádio Comunicação AM, que agora oficialmente  só mostrava um lado dos fatos.

O que ele não sabia é que desta vez as coisas não seriam como ele articulou e a verdade viria à tona.

Davi havia voltado para a cidade e junto com sua prima Luisa, foram até a casa do Prefeito interino Jack, entregaram provas contra Magnus,  este as levaria a delegacia logo de manhã. Davi queria limpar seu nome, pois havia sido manipulado pelo Articulador e ficou fora de si. Recomeçaria a vida naquele local onde sempre viveu.

 Foram descobertos desvios de dinheiro nas contas públicas de Brasilianita, enquanto o vice Jack, tinha feito pequenos desvios, Magnus, o ambicioso assessor, desviou enormes quantias e colocou a culpa no próprio Jack.

 Magnus havia sido desmascarado, mas não havia como provar a sua culpa, eram apenas palavras, as provas sumiram misteriosamente.  Ele possuía um alto poder de persuasão, era muito bom com as palavras. Mas o cerco estava se fechando, assim ele decide ir embora da cidade.

 [D. Coralina] Sr. Magnus, chegou cedo. Não querendo ser inconveniente, mas aconteceu alguma coisa, ou gostaria de alguma coisa?

 [Magnus] Dona Coralina, como sempre, não querendo ser inconveniente, mas já sendo… e não se preocupe, não quero nada, só vim me despedir dessa pensãozinha pobre. Aliás, não sei como consegui ficar tanto tempo nesse barraco que a senhora tem a ousadia de chamar de pensão.

 Dona Coralina ouve os desmandos de Magnus sem dizer uma palavra.

 [Magnus} Agora preciso pegar minhas coisas e sumir desta espelunca.

Horas depois os habitantes de Brasilianita, incrédulos ouviam a notícia que o avião em que  “pensavam” que Magnus fugira havia caído sem deixar sobreviventes.  Para alguns era a justiça divina, para outros uma tragédia com uma criatura tão boa e alegre.

O que eles não sabiam é que o Articulador estava mais próximo do que imaginavam…. Ele  tinha algo a terminar…

________________________________________________________

Momentos decisivos, amanhã penúltimo episódio de “O Articulador”.

Destaques para os personagens Dr. Bob, Davi Allen, Abobrinha, Kaíque Palhares.

Exibição Original: 08/04/2016

                                                                                                         Gracias! 🌹